A história do McDonald’s começa em 1937, quando dois irmãos decidiram abrir um simples restaurante drive-in na Califórnia. Quase uma década depois, ao notar que a maior parte dos lucros resultava da venda de hambúrguer e batatas fritas, os irmãos renovaram o restaurante por completo, reduzindo o menu para apenas esses dois produtos, refrigerantes e pedaços de torta.

Outras inovações incluíam a substituição de todos os utensílios por embalagens descartáveis, a eliminação dos serviços de garçonete e um novo sistema de produção com base em uma linha de montagem, a qual reduzia a entrega dos lanches para menos de um minuto. Em 1953, os irmãos McDonald decidiram expandir o negócio em franquias com o auxílio do vendedor Ray Kroc, que se encantou com a popularidade do negócio e se responsabilizou por expandir o negócio dos irmãos em franquias pelos Estados Unidos.

Kroc foi o primeiro a levar o restaurante para fora da localização original da empresa, equipado apenas com uma planta do restaurante, a receita de batatas fritas e um contrato para inaugurar filiais. Foi assim que abriu sua primeira franquia em Chicago. A única exigência dos irmãos fundadores era a de que todos os restaurantes tivessem a aparência e qualidade do original. Esse é o segredo do sucesso!

Os primeiros restaurantes da rede conquistaram os clientes graças ao seu modelo de negócio e produção, o qual proporcionava entregar os pedidos com uma agilidade nunca antes vista. O que Kroc fez, foi pegar esse modelo bem sucedido e replicá-lo em outras localidades, sempre controlando a qualidade, o serviço, a apresentação e a limpeza das lojas.

Quando se trata de franquias, a padronização é essencial para conquistar o êxito. Ao adquirir uma unidade, o franqueado deve ter o cuidado de manter a proposta da marca, uma vez que qualquer mudança de conduta pode prejudicar a imagem da empresa, causando uma queda na qualidade do atendimento e da demanda pelo produto ou serviço. O maior benefício para quem opta por investir em franquias é, justamente, iniciar um negócio consistente com infraestrutura, marca consolidada e metodologia definidas.

A necessidade em manter a padronização da franquia é indispensável para se obter um bom resultado, ainda assim, é importante que o franqueador monitore o padrão da empresa e atualize as diretrizes sempre que necessário. Manter o padrão não significa ser contrário a mudanças.

Um bom exemplo de proposta bem sucedida é o simbólico Big Mac, sanduíche de maior sucesso da rede, criado em Agosto de 1967 por um franqueado da cidade de Pittsburgh. Sucesso imediato, no ano seguinte do lançamento o Bic Mac já correspondia a 19% das vendas da rede e passou a fazer, oficialmente, parte do cardápio.

Ao analisar a história de Ray Kroc e dos irmãos McDonald, podemos perceber que alguns dos melhores modelos de negócios são criados ao explorar os desafios e as circunstâncias a partir de uma nova perspectiva. Outra grande lição transmitida pela maior rede mundial de fast-food, é a de que manter a qualidade dos produtos em franquias é essencial para a marca, ainda que não seja uma tarefa fácil.

Leave a Reply

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS MYPUBLI

Onde nos encontrar

  • IBMEC HUB's.
  • Alameda Santos, 2.356
  • 8º Andar
  • São Paulo, SP, Brasil

Conj. Nacional

  • Avenida Paulista, 2.073
  • Sala 2003
  • São Paulo, SP, Brasil

Fale com a gente